Dados gerais



   Denominação social: António Alves Pereira. (AAP)

   Sede Social: R. de Padim, 765, Fonte Arcada, 4830-199, Póvoa de Lanhoso

   Concelho: Póvoa de Lanhoso

   Data de constituição: 1989-02-14

   Data de início de actividade: 1989-02-14

   CAE Principal: 811112 – Extracção de granito ornamental e rochas similares

   CAE Secundário: 23701- Fabricação de artigos de mármore e de rochas similares

Project Image

Project Image

AAP é empresário em nome individual desde 1989.

A 1ª fase crítica foi a formação da empresa – necessidade elevada de investimento em ativos fixos.
Esta fase foi contornada com recurso a capitais próprios e com financiamento bancário.
A economia estava em crescimento, bem como o setor da construção permitindo à empresa crescer e consolidar-se no mercado.

A 2ª fase crítica ocorreu entre 2005 e 2006. Um forte abrandamento que deu inicio nesse período e as obras estagnaram sendo que muitos dos empreiteiros a quem prestava serviços faliram. Além das dívidas de clientes que não conseguiu recuperar, a AAP perdeu grande parte do seu mercado, pelo que teve de reorientar a sua atividade, dedicando-se então em exclusivo à actividade extractiva, produzindo blocos de granito para revenda a empresas que fabricam rochas ornamentais e outros produtos de maior valor acrescentado.
Esta estratégia permitiu a subsistência no mercado e recuperação de liquidez, planeando uma nova estratégia que se refletiu neste plano de investimento.

A empresa é considerada uma PME EXCELÊNCIA.

Atualmente enfrenta uma nova fase crítica: DEPENDÊNCIA DE UM SÓ SEGMENTO DE CLIENTES QUE ESTÁ DEPENDENTE POR SUA VEZ DO MERCADO NACIONAL – podendo levar a dificuldades futuras caso haja alterações de mercado. Além disso a empresa sente que grande parte das margens ficam retidas nas actividades a jusante pelo que pretende evoluir na cadeia de valor e passar a produzir também rochas ornamentais e mobiliário urbano.

 

A António Alves Pereira conta com o apoio do Programa Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), através do seu projecto SI Inovação n.º 26581, cujo principal objetivo visa dotar a empresa de condições para se inovar a diferentes níveis.

Como medida inovadora, o projecto de investimento pretende dotar a empresa de:

  • Produção de novos produtos com maior valor acrescentado decorrentes da transformação da pedra natural.
  • Produção de novos produtos com uma importante contribuição dos resíduos de extracção/ produção de pedra natural

Para tal a empresa prevê em projeto a aquisição e introdução de novas tecnologias que visam aumentar e potenciar a capacidade de extração da empresa, alinhando com a produção de linhas de produtos serrados e efetuará uma reorganização do seu processo produtivo. Para efeito do projeto a empresa procederá também à marcação CE dos seus produtos. Ao nível da componente energética, a empresa premiará a redução dos custos energéticos através de a implementação de uma central fotovoltaica autossustentável.

Missão

ATUALMENTE:

         Adquirir tecnologias produtivas que lhe permitam aumentar a capacidade de extracção de rocha da frente de desmonte

         Iniciar a produção de linhas de produtos serrados (Guias, lancil, perpianho e outros) e de mobiliário urbano em geral.

         Efectuar marcação CE de produtos

         Reorganizar processos produtivos de modo a flexibilizar a produção

         Diminuir custos energéticos da actividade

         Atingir um volume de negócio internacional de cerca de 70% do volume de negócios total.